• Chef Abimael Caetano

ENTENDA O QUE É DERMATITE HERPETIFORME, DOENÇA AUTOIMUNE RELACIONADA AO GLÚTEN

Atualizado: 4 de Ago de 2019




A Dermatite Herpetiforme, ou doença de Duhring-Brocq, é uma doença cutânea crônica e benigna, que se caracteriza por uma sensação de queimadura intensa e coceira.

Os pacientes com Dermatite Herpetiforme podem apresentar sinais ou sintomas da Doença Celíaca ou não, mas também podem ter uma biópsia intestinal positiva.

É uma doença autoimune, que provoca a formação de pequenas bolhas na pele que causam coceira, semelhantes às lesões provocadas pelo herpes.


Principais sintomas

Os sintomas característicos da dermatite herpetiforme incluem:


>>Placas vermelhas com descamação;

>>Pequenas bolhas que coçam muito;

>>Bolhas que estouram facilmente ao coçar;

>>Sensação de queimação nas regiões afetadas.


Além disso, também é muito frequente o surgimento de feridas em volta das bolhas, que surgem por se coçar a pele com muita intensidade.


A Dermatite Herpetiforme atinge tanto mulheres quanto homens. Ela é mais comum em brancos do que em negros, e muito rara na população japonesa.


As regiões mais afetadas do corpo são os cotovelos, os joelhos, a nuca, o couro cabeludo, a parte superior das costas e as nádegas. O rosto e a borda dos cabelos podem também ser atingidos. O interior da boca é raramente afetado. As coceiras têm uma distribuição uniforme.


O diagnóstico é feito por biópsia de pele retirada próxima de uma lesão.


A Biópsia do Intestino Delgado de um indivíduo portador da Dermatite Herpetiforme pode revelar alterações ou danos intestinais similares aos indivíduos atingidos pela Doença Celíaca. Porém, estes danos e sintomas são geralmente menores nos portadores da Dermatite Herpetiforme que nos da Doença Celíaca.


Os portadores de Dermatite Herpetiforme normalmente não apresentam distúrbios intestinais. Uma porcentagem, porém, sofre de diarréia, "barriga d’agua", evacuação intensa ou câimbras intestinais e com isso, apresentam sinais de subnutrição.


Encontra-se uma incidência cada vez maior de:

Anemias perniciosas (deficiência em vitamina B12), doenças ligadas à tireoide, e Linfomas intestinais.


O tratamento é feito através do uso de medicamentos e de um regime alimentar.


Medicamentos: Sulfonas.

Em menos de 24 a 48 horas, a sensação de queimadura diminui e as coceiras começam a desaparecer. O objetivo é de administrar a menor dose possível suscetível de controlar as coceiras e sensações de queimadura.


Regime Alimentar:

Dieta isenta de glúten.

A eliminação da ingestão do trigo, centeio, cevada, aveia e seus derivados, resulta em:


>>Desaparecimento do ataque intestinal.

>>Melhora da condição cutânea.

>>Redução ou mesmo eliminação da necessidade de Sulfonas para controle das erupções cutâneas.

>>Diminuição do risco de câncer.


Porém, não há cura. Mais pesquisas serão necessárias antes de serem respondidas todas as questões sobre as causas da Dermatite Herpetiforme e do elo existente entre as anomalias cutâneas e intestinais.


É importante lembrar que, em caso de suspeita da doença, é fundamental consultar o seu médico. Não tome medicamentos por conta própria 😉


65 visualizações

©Copyright TISCO - TI SOLUÇÕES CONECTADAS

Todos os direitos reservados.

CNPJ: 28.379.919/0001-57

O conteúdo disponibilizado neste site tem propósito exclusivamente informativo. As informações fornecidas pelos estabelecimentos e sua veracidade são de total responsabilidade dos mesmos.